A falta de democracia dentro do PSDB possibilita candidatos eternos. Talvez tenhamos que ver o ‘revigorado’ Serra por mais um milênio…

Olhando as campanhas de Serra e Haddad, podemos ver diferenças dramáticas.

Primeiro o resultado.

Do UOL:

Serra tem a pior votação da história do PSDB na capital paulista em um segundo turno

28/10/2012

Alem de ter sido derrotado por Fernando Haddad (PT)na disputa pela prefeitura, José Serra (PSDB) teve a pior votação de seu partido no histórico de disputas de segundo turno na cidade de São Paulo desde 1994, incluindo eleições estaduais e nacionais.

Com 44,4% dos votos válidos, Serra teve o resultado menos expressivo do PSDB nas urnas dos últimos 18 anos. Antes do resultado deste domingo, só em 2002 a votação dos paulistanos no PSDB não havia superado 50%. Mesmo em eleições presidenciais nas quais o PT levou a melhor sobre os tucanos, São Paulo contrariou o resultado nacional. Tanto Alckmin, em 2006, e Serra, em 2010, venceram o pleito na cidade.

Até então, o pior desempenho dos tucanos havia ocorrido em 2002, quando o próprio José Serra obteve 48,9% dos votos dos eleitores da capital na disputa presidencial contra Luiz Inácio Lula da Silva. Em 2010, no pleito contra a presidente Dilma Rousseff, Serra conquistou 53,6% dos votos na cidade de São Paulo.

Agora o início.

Do ÚLTIMO SEGUNDO:

Com 31%, Serra lidera disputa em São Paulo; Haddad tem 3%

09/05/2012

Assim como Dilma Roussef, que no início das eleições presidenciais de 2010 foi tratada como um ‘poste’ (clique aqui), para depois acabar eleita. Haddad também teve sua capacidade questionada e sua candidatura tratada como um erro (clique aqui).

Na prática o que se viu, tanto em 2010 quanto agora, foi o conhecido e experimentado Serra ficando para trás.

Porém o tucano se diz ‘revigorado’.

Do G1:

Serra diz que termina campanha ‘revigorado’ e com mais ‘energia’

28/10/2012

Serra (que foi candidato em 1996, em 2002, em 2004, em 2006, em 2010 e agora em 2012) surge como exemplo prático da falta de quadros para um partido importante como o PSDB.

Tal realidade pode ser um sinal ruim para o partido. Pode também não ser bom para o processo democrático.

Veja também:

Aliado de Serra, Kassab avalia governo nefasto e decreta: “Sucessor não resolve problemas da cidade em 4 anos”

Bilhete Único de 6 horas: Serra vai plagiar idéia de Levy Fidelix para tentar ganhar eleição

Imagem: netizando.wordpress.com